Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2008

Red Fruits

Espiritualidade (parte 2)

Como o leitor pôde perceber na primeira parte desta série, proponho uma espiritualidade pouco convencional. Mas a questão que quero levantar neste artigo é o motivo que leva alguém a desejar desenvolver qualquer espiritualidade. Além disso, vou demonstrar neste artigo as razões pelas quais penso ser fundamental o exercício da espiritualidade.

A princípio, penso que muitas pessoas no decorrer da história desenvolveram uma espiritualidade hereditária, baseada apenas nas tradições de seus pais. Sociedades tribais, culturas orientais, povos antigos e outros grupos não tiveram muitas opções no que diz respeito ao pensamento religioso. O homem vê deus pelo mesmo prisma de seus pais e professores. Você já parou para pensar no seguinte: Se você tivesse nascido numa outra cultura, em outra época, num contexto religioso totalmente adverso ao teu, será que você teria as mesmas convicções religiosas e filosóficas? A maioria de nós nunca parou para pensar o quanto nossa cultura nos influenciou para…

Espiritualidade (parte 1)

Este artigo inicia uma série de 20 reflexões onde tentarei expor idéias sobre uma espiritualidade sadia e verdadeira.

De início já declaro que não vou recitar a cartilha teológica de religião ou filosofia alguma. Eu tenho minhas convicções pessoais, mas quero pensar numa outra espiritualidade. Uma espiritualidade intuitiva e ao alcance de qualquer pessoa.

Quero propor uma espiritualidade que vai na contra mão do modelo vigente, se é que existe um modelo nesse panteão. Este modelo não visa o esvaziamento da mente, mas sim a reflexão. Não aprecia o isolamento, mas exalta a convivência como praxis suprema. Ele não massageia o próprio ego ou conciência com ações exteriores, mas busca a naturalidade, e sempre que possível, o anonimato.

Como esta proposta é intuitiva, quero começar a pensar livremente nos valores fundamentais. Para facilitar, vou enumera-los, porém não creio que estes sejam divisíveis ou sistematizáveis.

1º Proponho uma espiritualidade que enxergue o ser humano como a razão de …

Infernos Fiscais

Já se perguntou onde Osama Bin Laden guardou os milhões investidos nos ataques de 2001? Como ele movimentou o dinheiro que financiou todo o plano terrorista? Após os ataques de 11 de Setembro os EUA, mesmo sem o consenso da ONU, invadiu o Afeganistão, numa ação que eles denominarão "Guerra contra o Terror".

Se fala muito de guerra contra o tráfico de armas e o tráfico de drogas no mundo inteiro. Mas você acredita mesmo que o dinheiro do tráfico é guardado embaixo do colchão? Os traficantes comandam guerrilhas urbanas em todo o terceiro mundo, e compram serviços de telefonia e telecomunicações, traficam influência, corrompem autoridades, compram veículos, passagens aéreas, propriedades imobiliárias entre muitas outras coisas. Mas como eles movimentam tanto dinheiro? Será em maletinhas pretas do tipo dos filmes da máfia?

No Brasil, semanalmente aparece um novo casa de corrupção milionária. Juízes, senadores, deputados, prefeitos, delegados, coronéis, governadores, empreiteiras,…